Produtores nacionais exigem cota após perderem espaço pra Vingadores

13

Vingadores: Ultimato teve uma estreia gloriosa nos cinemas do mundo todo, batendo a marca de U$ 1,2 BI de bilheteria. Mas por mais incrível que isso pareça, nem todos ficaram feliz com isso.

Alguns produtores nacionais, como Mariza Leão (De Pernas Pro Ar 3), ficaram indignados com o fato de alguns cinemas terem colocado Vingadores: Ultimato em exibição em todas as salas, ou na grande maioria.

Leia também: Vingadores: Ultimato faz mais de US$ 1 BILHÃO na estreia

Reduzir a quantidade de exibições do seu filme e favorecer “Vingadores: Ultimato” é uma “perversidade do ponto de vista cultural e econômico”.

Diz Mariza Leão.

De acordo com eles, a Ancine deveria regulamentar mais ainda o cinema e dar cotas para filmes brasileiros, mesmo não sendo o que o público quer. Tal decisão parece absurda, pois realmente é.

Alguns internautas fizeram comentários de indignação, por acharem ultrajante produtores nacionais quererem forçarem seus filmes ao público, veja:

Ora, os cinemas exibem aquilo que lhe darão retorno, não é de se esperar coisa diferente se tratando do filme mais esperado do ano, certo? Porque invés de obrigar o público a consumir conteúdo nacional, como já fazem canais fechados de TV, não escolhem uma data menos concorrida pra lançar seu filme?

Em meio a tanto estresse político nós ainda temos que aguentar produtores nacionais pedindo ajuda pro governo pra nos dizer o que devemos assistir. Isso é uma ofensa além de tudo.

Lembrando que De Pernas pro Ar 3 ainda está em cartaz, junto com Vingadores: Ultimato.

13 Comentários
  1. Pedro Barreto Diz

    O pessoal do cinema brasileiro estão errados. Vingadores Ultimato é um marco na história do cinema , não só dos filmes de herói, se os diretores brasileiros não gostam, é por que não conseguem fazer algo bom ou melhor.

    1. Ivan Guido Diz

      Estão achando que Cinema é Estatal

  2. Marcos Aurelio Diz

    querem o que, mais salas vazias?
    lançar qualquer cosia junto com ultimato foi suicidio

  3. Geraldo Perdigão Diz

    Se o brasileiro soubesse fazer cinema, nem precisaria de cotas, é o tipo do choro vitimista contra a sociedade opressora.
    O cara trem um cinema com 10 salas, sabe que se colocar os Vingadores vai encher todas elas. Aí vem o produtorzinho de merda e exige que cota para o filminho politicamente correto, super politizado, chato pra cacete que ninguém quer ver.
    Regra básica de mercado: Quem não tem competência, não se estabelece.

    1. Rafael Christ Diz

      Concordo com quase tudo. Mas Avengers também é um “filminho politicamente correto” haha

  4. Rodrigo A. Sena Pereira Diz

    “Mimimi queremos ruánê pra fazer muitos filmes bosta, principalmente aquelas comédias idiotas (de programas do multishow)!”– porquê essa idiota não vai lá pedir pro CineMarx passar os filmes dela e mais uma amostra de filmes “”cabeça”” do cinema iraniano, eslovaco, ucraniano…

  5. Cida Alves E Silva Diz

    Nem de graça vou ao cinema assistir filmes brasileiros. São horríveis.

  6. Lissandro Almeida Diz

    FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE, FODA-SE,

  7. João Gabriel Diz

    Brasileiro não tá afim de ver filme enaltecendo terrorista ou bandido não e não quer financiar esses parasitas de Lei Rouanet.

  8. Herbet de Jesus Ferreira Diz

    Eu só vi um filme brasileiro no cinema uma vez na vida quando tinha 5 anos (obviamente não tinha opção) nunca mais vi e nunca mais verei, perca de tempo filmes sem qualidade. Assisto filme brasileiro só em casa.

  9. math.pi Diz

    Você com sua família escolhendo qual filme vai ver, qual optaria? Filme de super heroi ou filme de conteúdo sexual?

  10. iruga9 Diz

    Isso é mimimi de parasita de Ditadura Rouanet. Esses merdas socialistas tem que entender que a livre concorrência tem a seguinte frase: Adapte-se ou vá a falência. Se o filme é uma bosta e ninguem quer ver, senta e chora filhão…

  11. Jorge Santos Diz

    Implicando que as pessoas pagarão pra ver o filme lixo deles só porque é a única coisa em cartaz…

Deixe uma resposta